*mais sobre mim

*Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

*posts recentes

* Hot Hot Hot

*arquivos

* Junho 2010

* Julho 2007

* Junho 2007

* Maio 2007

* Abril 2007

* Março 2007

* Fevereiro 2007

* Janeiro 2007

* Dezembro 2006

* Novembro 2006

* Outubro 2006

*tags

* todas as tags

*pesquisar

 
blogs SAPO

*subscrever feeds

Terça-feira, 31 de Julho de 2007

Hot Hot Hot

Depois de um começo de Verão muito pouco habitual ao que estamos habituados no últimos anos, parece que o calor finalmente se decidiu a dar um ar da sua graça. Ok...temperaturas de 30 e muitos e quarenta graus é um pouco excessivo, mas já tinha saudades de calor a sério! Eu sou muito friorenta e sofro imenso no Inverno com frio....por isso sabe-me bem o calor: de andar de chinelos, de vestir roupas fresquinhas e, principalmente, de estar dentro de água de molho!

Apesar do calor ter começado a sério no sábado, só hoje é que tomei realmente a sua percepção na minha casa bem quente, já que passei o fim-de-semana em zonas, junto ao litoral, habitualmente frescas, na Ericeira e em Peniche! São dois locais muito bonitos e com uma vista sobre o mar única em que me perco a olhar o horizonte, mas aqueles micro-climas não me agradam muito. Já não era a primeira vez que saía de Lisboa com sol e calor e chegava a Peniche com nevoeiro e nuvens compactas.

Com o calor chegaram também as suas nefastas consequências, os fogos florestais! Muitas foram as vezes em que ao assistir aos telejornais pensei que em outros anos por esta altura já muitos hectares tinham ardido e este ano nada....Com o calor começou tudo de novo. Hoje foi noticia um fogo no Algarve, perto de Lagos, que queimou uma casa e provocou uma acidente em cadeia com cinco carros.

Sei que o calor excessivo em áreas com ervas secas e densas e um possível contacto com alguns objectos pode aumentar a probabilidade de haver um fogo, mas não é preciso ser nenhum especialista para perceber que, nos últimos anos, 99% dos fogos florestais que existiram em Portugal não foi obra do imenso calor sentido, mas sim mão criminosa, interesses económicos por parte de pessoas que detêm certos negócios e que vivem da destruição provocada pelo fogo. É triste pensar que pessoas morrem, pessoas ficam na miséria, pessoas ficam sem casa, sem sustento, só porque certas pessoas têm interesses e necessitam de ganhar a vida e por isso não olham a meios para atingir os seus fins. É normal que as pessoas lutem pela vida, para ter um negócio que corra bem, mas não para isso destruindo um dos bens mais precioso, as árvores e o oxigénio que advêm delas, e a vida das pessoas.

Felizmente nunca passei por algo tão grave de ficar sem casa por causa de um fogo, mas quando oiço noticias dessas da televisão e vejo as pessoas aflitas a correr de um lado para o outro consigo imaginar um pouco a dor delas e o medo que sentem. Já passei por algo semelhante na minha casa, mas em nenor escala claro. Em tempos, algum engraçadinho com ideias malucas pegou fogo ao mato que no monte mesmo em frente da minha casa. Acontecia tudo lá no alto e para chegar cá em baixo à minha casa era preciso ultrapassar outras casas primeiro, um ribeiro e uma estrada, mas mesmo assim tive muito medo. Assisti toda a tremer, se não estou em erro, a 3 fogos da minha varanda. Eram enormes que cresciam sempre que o vento aumentava. Era um som de estalos e de crepitar arrepiante, que não tem nada de romântico se compararmos com aquele a que se está habituado nas casas. Foi o que mais me impressionou....aquele som!

É de louvar o trabalho dos bombeiros, que, muitos por amor à camisola, vão para a frente do fogo e tentam apagá-lo sem medo e muitas vezes pondo em risco as suas próprias vidas. É por estes homens que dão a vida e por aquelas pessoas que ficam sem nada, que acho que deviam ser punidos mais severamente as pessoas lunáticas, malucas, que fazem mal às florestas e indirectamente aa todos nós!

tags:
publicado por Marisa às 01:02
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

*links