*mais sobre mim

*Quem está aqui??

online

*Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

*posts recentes

* Acordar o blog adormecido...

* Hot Hot Hot

* ...

* A Sombra do Vento

* Há coisas que nunca mudam...

* Porque é que os jogadores...

* Como ser um verdadeiro ch...

* Novo morador

* Gata preta, gato branco

* Blogodependente

*arquivos

* Junho 2010

* Julho 2007

* Junho 2007

* Maio 2007

* Abril 2007

* Março 2007

* Fevereiro 2007

* Janeiro 2007

* Dezembro 2006

* Novembro 2006

* Outubro 2006

*tags

* todas as tags

*pesquisar

 
blogs SAPO

*subscrever feeds

Terça-feira, 28 de Novembro de 2006

Amigos são anjos em nossas vidas...

Pudera eu ter o dom de um poeta ou de um músico
para poder colocar em verso e melodia
o sentimento de uma amizade...

Amigo ocupa mais espaço do que
somente o lado esquerdo do peito.
Amigo é aquele com quem choro.
É aquele com quem rio.
É aquele com quem exploro
riachos e cachoeiras dentro de mim.

Amigo é um só
Não importa se tenho um ou cem.
Cada um, em cada momento,
é especial... é único, é vital.

Amigo não se escolhe...
Não se "pede" ninguém em amizade.
A amizade não tem tempo pré determinado para começar,
mas nunca termina!
Mesmo que não se encontrem sempre...,
Os amigo serão eternamente AMIGOS!

Amizade é sentimento...
é afecto...
amor...
respeito...
veracidade...
troca...
carinho...
cumplicidade...
é um beijo...
um abraço...

Já não é a primeira vez que posto este poema, já o fiz anteriormente no meu Photoblog, mas gosto tanto de o ler que quando penso em dedicar algo à Sheila, este poema é indicado...

Mais outro mês passou e ainda parece mentira. Sempre que subo a minha escada não consigo deixar de olhar para tua janela e pensar que sempre tiveste ali e agora já não estás...Se estivesses cá já te tinha convidado para os meus anos...e até já sabia o que ias dizer "A tua mãe vai fazer aquela doce muito bom? Então eu vou...", "Tenho de sair cedo de casa, porque tenho de apanhar o metro, o comboio e a camioneta para chegar à tua casa", "Bem..lá vou ser eu outra vez a primeira a chegar e a última a ir embora, como sempre!!", "O teu primo também vai???". Quem ler isto não vai achar graça nenhuma, porque só nós as duas é que nos riamos com isto e sabiamos o significado. Como vês, contigo também se foram embora memórias de 18 anos de vida...

Este ano não te vou ter sentada ao meu lado durante o almoço, não te vou ter ao meu lado para beber o Pisamg Ambom da praxe, não te vou ter ao meu lado quando soprar as minhas velas...mas vou ter muitas saudades tuas!!

Não questiono os motivos de Deus te ter levado, não posso, nunca ia chegar a uma conclusão, mas não posso de deixar de pensar que ainda devias tar aqui, ao meu lado, ao lado de tanta gente que gostava de ti.

Tantos bons momentos que passamos, em que rimos, em que contámos coisas uma à outra...tenho saudades desses tempos...Noutro dia lembrei-me daquele cena da carperte e dos ratos na rua....é bom recordar, para não esquecer...

Mais uma vez...tenho muitas saudades de ti gaja...

publicado por Marisa às 13:13
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Ricky S a 2 de Dezembro de 2006 às 00:14
Antes de mais este poema é lindo mesmo, fiquei fã e ainda nem o tinha acabado de ler... a vida realmente qdo quer é mesmo mázinha, mas graças a Deus que apesar de tudo aquilo que nós vivemos o que partilhamos, os sorrisos, as lagrimas, as loucuras, as memórias, os sentimentos, os pensamentos...isso...tudo....nunca nos tirá.

Comentar post

*links